Compra Segura Na Internet — 6 Formas De Garantir A Segurança Na Sua Loja Online

Transmita segurança para os dados dos usuários

Você já parou para pensar que a sua loja online pode estar perdendo vendas por não transmitir segurança para os usuários? Ter um e-commerce seguro envolve vários pontos, ou seja, não é apenas o uso de proteção antivírus. Para te ajudar, neste artigo você vai saber como proporcionar uma compra segura para os seus clientes. Veja:

  • motivos para ter um site que fornece uma compra segura;
  • como proporcionar uma compra segura para seus clientes;
  • o certificado de segurança da GoDaddy.

Motivos para ter um site que fornece uma compra segura

Uma pesquisa feita pela Minsait, divisão de negócios da espanhola Indra, constatou que 62,7% dos brasileiros não se sentem seguros comprando pela internet. É um número muito alto considerando a digitalização frequente da sociedade, não é? Por isso, cabe a você, dono de uma loja virtual, entender o que faz essas pessoas sentirem essa insegurança.

Proporcionar uma compra segura para os usuários é obrigação de todo e-commerce. E não é só devido à LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), mas porque o cliente quer ter a total certeza de que os seus dados estão totalmente protegidos.

Além disso, as pessoas estão cada vez mais atentas aos termos de uso e selos e certificados de segurança do e-commerce. Por exemplo, um cliente pode muito bem encontrar o que quer comprar na sua loja online, mas se não houver nenhum selo de proteção, ele vai abandonar a compra rapidamente.

Como proporcionar uma compra segura para seus clientes?

Você já deve ter notado que oferecer um site e, consequentemente, uma compra segura para os clientes da sua loja virtual é muito importante, certo? A seguir, vamos dar dicas do que fazer para fornecer essa proteção aos usuários do seu site. Veja só:

1. Use gateways de pagamento

Gateways são sistemas ou equipamentos que fazem a comunicação entre duas redes. Os de pagamento podem ajudar bastante na proteção de dados do usuário no momento da compra. Com isso, é possível receber pagamentos online por cartões, transferências e boletos fazendo um checkout muito seguro.

Mas como? Ao inserir os dados, o gateway se comunica com as instituições financeiras do cliente, para verificar se há limite para a compra, além disso, checam se os dados estão corretos e se a compra é autorizada. É um sistema que vai facilitar bastante o dono de e-commerce e dos seus clientes.

2. Cheque possíveis vulnerabilidades no seu site

Uma compra segura não existe em um site vulnerável a ataques cibernéticos, assim, é mais do que indicado que seja feito uma análise da loja online com ferramentas especializadas. Se encontrada alguma falha, deve-se resolver rapidamente porque o site pode estar bem vulnerável a invasões.

3. Atualize os sistemas frequentemente

Para que os sistemas que permitem sua loja virtual funcionar não fiquem fracos, é preciso sempre estar atualizando. Tanto para proteger contra invasão como cintra atividades fraudulentas, tenha seus sistemas atualizados.

Se você não é o responsável pela parte técnica do site, verifique com os desenvolvedores se plugins, plataformas, licenças e softwares estão com a atualização em dia.

Compra Segura Na Internet

4. Exija senhas fortes dos usuários

Se o seu comércio online pede que o cliente crie uma senha de seis caracteres e só isso, você pode estar colocando a segurança dos dados dele em risco. Ele também deve fazer a sua parte para dificultar a ação de hackers mal intencionados.

Isso quer dizer: nada de senhas óbvias como 123456. O site pode exigir, por exemplo, que a senha de acesso tenha, além de seis caracteres, números, letra maiúscula e minúscula, caracteres especiais e que não seja, por exemplo, a data de nascimento nem o nome do cliente.

Essa recomendação é um complemento à dica dos gateways de pagamento. Em tempos de LGPD e de discussões sobre privacidade, é preciso ressaltar a importância de evitar pedir mais dados do que o necessário nas transações comerciais.

Afinal, mais informações significam maior responsabilidade e maior risco. Por isso, terceirize a intermediação com organizações financeiras e evite salvar dados demais.

5. Evite fazer redirecionamentos

Sabe aquelas lojas online que trabalham com pagamentos via intermediados, ou seja, quando o cliente é redirecionado para outra página para concluir a compra? Não é ideal. Isso porque pode transmitir uma insegurança para o usuário, mas também corre o risco de acontecer algum erro nessa troca de página.

É por essa razão que a melhor opção é proporcionar um checkout feito na mesma página do seu site.

6. Use o certificado SSL e selos de segurança

Ao falar de certificados de segurança para e-commerce, o SSL (Secure Sockets Layer) está no topo da lista. Por fazer uma proteção criptografada do site, fornece um cadeado ao lado da URL, o que já informa de cara para o cliente que aquele site é, de fato, seguro.

Mas não apenas isso, sem o SSL para e-commerce, seu site pode sair muito mais caro porque os clientes simplesmente irão deixar de fazer a compra. E mais: o site só será capaz de fornecer a opção de pagamento via cartão se tiver o SSL. O que é vantajoso para você e os clientes, que terão mais opções para pagarem suas compras.

Uma das maneiras mais fáceis de obter um certificado SSL é com o criador de sites da GoDaddy, que já vem com o certificado instalado.

Por fim, outros selos e certificados indicados para proporcionar uma compra segura na sua loja online são:

  • SiteLock;
  • Reclame Aqui;
  • Norton Secured;
  • E-bit;
  • ClearSale;
  • Comodo;
  • Certisign;
  • Site Blindado;
  • entre outros.

Adote o certificado de segurança da GoDaddy

A GoDaddy possui diversas opções para a segurança de sites. O certificado SSL, por exemplo, já vem com o serviço de instalação e manutenção, proporcionando:

  • segurança à prova de balas: serviço com uma criptografia extremamente forte;
  • segurança sempre: com uma instalação correta de um SSL, seu site nunca será classificado como “Não Seguro”;
  • segurança de longo prazo: a GoDaddy trabalha para que o certificado SSL do seu site esteja sempre atualizado!

Agora que você já sabe como ter uma loja online que oferece uma compra segura para os clientes, saiba mais sobre o SSL e outros serviços de segurança para web que a GoDaddy oferece!

Jornalista apaixonada por literatura, música e cinema. É Analista de Conteúdo na Agência Mestre e, antes disso, foi produtora editorial, assessora de imprensa e teve vários blogs ao longo do caminho. A escrita é sua paixão e acredita que a comunicação pode mover barreiras.