Dia Internacional da Mulher — GoDaddy e Equidade de Gênero

Produtos mencionados
Go girl!

Em 8 de março acontece, em todo o mundo, o Dia Internacional da Mulher. Todos os anos, vemos mulheres sendo presenteadas com flores e parabenizadas pelo que dizer ser “o nosso dia”. Mas será que você sabe mesmo o que essa celebração significa?

Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o Dia Internacional da Mulher tem uma história que remonta há mais de um século. Neste artigo você vai aprender mais sobre essa origem, mas também vai conhecer as políticas internas da GoDaddy de equidade de gênero e a importância de implementar ações como essa dentro das organizações.
Confira abaixo e aprenda!

A origem do Dia Internacional da Mulher

Você já parou para pensar no que aconteceu no dia 8 de março, data em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher?

Desde o final do século XIX, as mulheres já se organizavam em busca de jornadas de trabalho mais curtas, salários mais altos e direitos igualdade de gênero. O primeiro Dia Internacional da Mulher foi comemorado, porém, em maio de 1908. Na ocasião, 1500 mulheres organizaram uma manifestação em prol da causa.

No ano seguinte, no dia 26 de fevereiro de 1909, o ato foi ainda maior. Cerca de 15 mil mulheres marcharam pela cidade de Nova York buscando a igualdade.

Porém, foi apenas na Primeira Guerra Mundial que a história foi marcada pelo dia 8 de março. Foi em 1917 que mais de 90 mil operárias se manifestaram, na União Soviética, contra as condições de trabalho impostas pelo Czar Nicolau II.

Dois anos depois, a data foi oficializada como Dia Internacional da Mulher no país. A ONU, porém, só a reconheceu em 1975.

GoDaddy e equidade de gênero

A GoDaddy aplica internamente uma política de igualdade salarial e de gênero, além de ter um histórico recente com campanhas sobre empoderamento feminino nos Estados Unidos.

O movimento de empoderamento feminino deu o destaque merecido às diversas questões relacionadas com a desigualdade de gênero, e uma das mais discutidas é a diferença salarial e de oportunidades entre homens e mulheres no mercado de trabalho.

A desigualdade é uma das razões que levam mulheres a empreender, principalmente pela necessidade de ter outra fonte de renda ou para adquirir a independência financeira.

As mudanças já estão acontecendo.

De acordo com um levantamento realizado pelo Sebrae, nos últimos dois anos, a proporção de mulheres empreendedoras que são “chefes de domicílio” passou de 38% para 45%. Isso significa que há mais mulheres donas de seus próprios negócios.

Para que as mudanças continuem e mais mulheres empreendam, elas precisam reconhecer que são capazes de conquistar seus objetivos.

E como acreditamos nelas, nós vamos apoiá-las com uma mensagem inspiradora no Dia Internacional da Mulher, dando voz àquelas que mais merecem.

Conte com a GoDaddy para apoiar seus planos mais audaciosos! Conheça mais sobre nossos produtos no site e no blog.

Jornalista e apaixonada por literatura e fotografia, Nadjine Terhoch trabalha como Gestora da área de Conteúdo na Agência Mestre. Já foi colunista da Revista Casa Claudia e acredita nos comércios locais e pequenos produtores de sua região, optando por apoiá-los sempre que possível. Você pode se conectar com Nadjine no Instagram (@nadjine)