Entenda o que é WordPress e como funciona o CMS mais popular do mundo

Saiba tudo sobre o maior CMS do mundo!

Saber o que é WordPress é imprescindível para quem quer criar um website próprio. Seus recursos gratuitos e extremamente intuitivos colocam essa ferramenta no topo das mais utilizadas por marcas e usuários mundo afora. 

Para se ter uma ideia, até o início de 2022, o WordPress era a plataforma por trás de 43% de todos os websites ativos na internet, segundo o WPBeginner.

Essa ferramenta permite a hospedagem e gerenciamento de websites de interfaces e objetivos diversos. E o melhor: sem demandar conhecimentos técnicos de programação e design por parte de seus usuários.

Se você é um profissional de marketing digital ou dono de uma marca que deseja se posicionar melhor na internet, aprender o que é WordPress e utilizá-lo a seu favor vai te oferecer excelentes recursos para gerir sua página com eficiência e expor seus conteúdos ao público-alvo.

Diante da importância dessa plataforma, preparamos esse guia completo no qual vamos te explicar como funciona o WordPress e como você pode utilizá-lo como aliado para ganhar destaque no universo digital. 

Confira!

O que é WordPress?

Você já ouviu falar no termo Content Management System (CMS)? É essa a designação que ferramentas como o WordPress recebem em virtude dos seus recursos e principais funções.

Afinal, em tradução livre, a sigla CMS significa “sistema de gerenciamento de conteúdo”. Esse nome foi conferido porque ele permite criar e gerenciar conteúdos diversos de um site por meio de uma única plataforma.

Em suma, a principal função do WordPress e outros CMSs é a de democratizar e facilitar a criação de websites ao usuário comum. Você não precisa saber nenhuma linguagem de programação ou ter alguma especialização técnica para criar um blog, por exemplo.

Um bom CMS, como o WordPress, oferece todos os recursos necessários para facilitar sua vida na criação de qualquer modalidade de página, seja de:

  • website oficial;
  • e-commerce;
  • blog;
  • fóruns;
  • áreas de membros;
  • portais de notícias, entre outras possibilidades. 

Por meio de uma plataforma centralizada, é possível desenvolver textos para publicação, preparar formulários e inserir imagens, além de códigos de incorporação para vídeos, podcasts, etc.

Portanto, entender o que é WordPress e investir nessa ferramenta é uma excelente possibilidade para a criação de páginas e conteúdos profissionais que, em uma perspectiva comercial, poderão alavancar o posicionamento digital de qualquer marca.

Qual a diferença entre WordPress.Org e WordPress.com?

Há uma dúvida recorrente entre usuários que se perguntam por que há dois tipos de WordPress: o .Org e o .Com. Afinal, eles são a mesma coisa ou representam plataformas diferentes?

A verdade é que cada endereço está por trás de uma ferramenta diferente com projetos bem diversos. 

O WordPress.Org, primeiramente, é o endereço onde é possível fazer o download do software open source para hospedar seu site WordPress em algum domínio e servidor já previamente contratados. 

Quer aprender o que é e como registrar um domínio? Se liga no vídeo abaixo:

O código aberto, por sua vez, permite que você possa customizar e personalizar o site da sua maneira e contando com todos os recursos e plugins do CMS. 

Imagine a hipótese que você já tenha contratado um domínio para sua marca por meio da GoDaddy, a partir disso, você pode utilizar o software da WordPress para hospedar seu site no domínio já contratado.

Por outro lado, o WordPress.Com é um serviço de hospedagem específico da WordPress. Por meio dele, você consegue um domínio oferecido pela própria plataforma, por exemplo: “nomedosite.wordpress.com”.

A grande vantagem dessa iniciativa é que não há a necessidade de contratar um domínio previamente. Contudo, o usuário terá menos recursos para personalizar sua página, já que ele não estará lidando com um código aberto, mas sim com um modelo já pronto. Em outras palavras, ele não terá um domínio próprio à disposição.

Qual a história do WordPress?

Agora que você entendeu para que serve o WordPress, que tal falarmos um pouco sobre a sua origem? A história do CMS mais famoso do mundo já é de longa data, principalmente quando levamos em consideração que a internet só se popularizou na década de 90.

Muita gente não sabe, mas o projeto iniciou com um nome bem diferente. Em 2001, foi lançado o B2 Cafelog, que era uma plataforma exclusivamente voltada para a criação de blogs.

Por sua vez, foi no dia 27 de maio de 2003 que o nome WordPress veio à tona. Nesta data, o projeto estava na sua versão 0.7 e já oficialmente com nome que lhe acompanha até os dias de hoje. No início de abril de 2022, encontra-se na versão 5.9.

O crescimento da ferramenta foi impressionante. Já em 2004, o WordPress estava na sua versão 1.2 e contava com excelentes recursos que são diferenciais até os dias de hoje, como:

  • instalação de plugins;
  • moderação de comentários;
  • e criação de URLs amigáveis.

O WordPress é seguro?

Entretanto, esse CMS passou por algumas dificuldades em sua trajetória. Por exemplo, a versão 2.1.1 apresentou uma série de problemas de segurança que tornou a plataforma vulnerável a ataques e códigos maliciosos.

Esse evento remonta aos anos de 2006 e 2007 e só foi resolvido com o lançamento da versão 2.1.2.

Em 2011, novos problemas de segurança surgiram e envolviam três dos plugins mais utilizados da plataforma:

  • AddThis; 
  • WPtouch;
  • e W3 Total Cache. 

O fato é que hoje todos esses problemas foram resolvidos e o WordPress é uma referência entre os CMSs por sua segurança. Não por acaso, cerca de 50% dos website ativos atualmente na internet utilizam a ferramenta.

Consolidação no mercado

Durante o lançamento da versão 4.1 o WordPress já havia driblado os erros do passado e se consolidava cada vez mais como o maior CMS do mercado. 

A plataforma foi redesenhada e tornou-se ainda mais intuitiva. Além disso, upgrades relevantes, como suporte ao HTML5, personalização de cabeçalhos e edição de imagens, foram inseridos. 

Em 2015, um novo grande salto: a ferramenta implementou o plugin Woocommerce no seu portfólio. Isso propiciou aos usuários da plataforma criarem sites de e-commerce profissionais de forma prática. 

Atualmente, os usuários do CMS vivem a expectativa do lançamento da versão 6.0. Os desenvolvedores do projeto anunciaram a data de estreia para o dia 22 de maio de 2022.

Como funciona o WordPress?

Mas, afinal, como funciona o WordPress? Isso depende muito de qual produto você escolher. Como já mencionamos, há duas possibilidades de utilizar os serviços desse projeto de criação de sites: o WordPress.Com e o Worpress.Org.

Dessa forma, como funciona o WordPress.Com? Nesse caso, o usuário adquire um serviço de hospedagem com um domínio oferecido pelo próprio WordPress. Ele é gratuito, porém oferece recursos mais limitados de personalização.

Já no caso do WordPress.Org, o usuário tem que baixar o software open source que deve ser instalado em um servidor e domínio de hospedagem contratado. Isso permite a ele  ter mais liberdade para definir o endereço do site e torná-lo mais customizável de acordo com os objetivos da página.

Feita essa diferenciação básica entre os dois modelos, o funcionamento de ambos no geral não tem grandes divergências. Afinal, os dois oferecem uma plataforma central com dashboard e um menu navegável para o desenvolvimento e gerenciamento do site.

O WordPress, dessa forma, funciona como um painel bastante intuitivo no qual será possível viabilizar os processos operacionais do site.

Quais as vantagens do WordPress?

No decorrer desse conteúdo, já falamos de algumas das principais vantagens de escolher o WordPress como CMS para o desenvolvimento e gestão do seu website. Entretanto, resolvemos condensar todos os benefícios dessa plataforma em um canto só.

A lista abaixo vai te mostrar todos os motivos que tornam essa ferramenta a mais hegemônica para estruturação de websites na internet. Confira:

  • oferece um sistema de código aberto que oferece inúmeras possibilidades de customização e aprimoração por parte dos usuários;
  • possui um enorme portfólio de plugins que podem ser implementados de acordo com os objetivos do website. Há opções, por exemplo, como o Yoast, para otimização SEO, e o já comentando Woocommerce, para configurar uma loja virtual;
  • a plataforma já está pronta para facilitar o desenvolvimento e gerenciamento dos websites, sem a necessidade de conhecimento de códigos de programação;
  • oferta uma versão específica para dispositivos móveis, o que permite a gestão de sua página online por meio de smartphones;
  • é constantemente atualizado! Isso é, há uma ativa participação de desenvolvedores comprometidos em aprimorar periodicamente os recursos e artifícios da ferramenta;
  • garante que o usuário possa alterar a interface e templates da página sem que isso interfira no conteúdo.

São muitas as vantagens do WordPress, não é verdade? 

Tanto no front-end, por meio da customização de interfaces, como no back-end, em virtude da base estrutural da plataforma, esse CMS mostra-se como uma solução completa que contempla inúmeras demandas operacionais para a criação e gestão de espaço online profissional e eficiente.

O que é WordPress? Qual a melhor hospedagem? 

Se você é um empreendedor digital e optou pela instalação do software do WordPress.Org para a criação do seu site, você vai precisar contratar um excelente serviço de hospedagem para garantir o melhor funcionamento e gerenciamento eficiente do seu espaço online.

Nesse quesito, a GoDaddy destaca-se no mercado pelos seus serviços de hospedagem em WordPress inovadores, acessíveis e diversificados de acordo com os seus objetivos.

Conheça um passo a passo criar um site profissional com a GoDaddy:

Com o auxílio de servidores dedicados, você pode ficar tranquilo quanto à performance e segurança do seu site com uma hospedagem promovida pela GoDaddy. 

Afinal, são realizados backups diários de segurança, atualizações automáticas e o tempo de carregamento é ágil. Sem falar que você contará com suporte ininterrupto grátis para qualquer situação de dificuldades.

Conheça os planos e preços da Hospedagem WordPress da GoDaddy e veja qual combina mais com as características do site que você deseja desenvolver.

Ficou curioso? Comece um teste gratuito para conhecer o criador de sites da GoDaddy e veja como pode ser simples contar com um website profissional e atrativos para seus clientes.

E aí, o que achou do nosso conteúdo? Deu para entender direitinho o que é WordPress e como funciona o CMS mais popular do mundo? Esperamos que todas as suas dúvidas tenham sido solucionadas. 

Para ler mais conteúdos incríveis, fique de olho nas novas atualizações do nosso blog. Até a próxima!

Rafael Queiroz Bastos
Rafael é redator da Agência Papoca. Jornalista e com mestrado em literatura, ele encontrou no Marketing de Conteúdo a possibilidade de exercer uma escrita criativa que conecta as marcas com seu público. O cinema e a literatura são duas formas de arte que despertam sua paixão nos tempos livres.