O que Você Deve Saber Antes de Trocar de Hospedagem?

Faça migração segura!

O site de uma empresa virou porta de entrada para clientes em potencial. Assim como uma loja física, você deve assegurar que esta estrutura seja a melhor possível para atender ao seu público. Se as páginas estão muito lentas ou se ele cair o tempo todo, pode estar perdendo negócio e tráfego. Se você está nesta situação está na hora de considerar trocar de hospedagem.

Confira o que você precisa saber antes de realizar essa transferência!

Como escolher um novo servidor para trocar de hospedagem?

Se o endereço da sua rua é equivalente ao domínio do site, a hospedagem pode ser comparada a casa em que você guarda todos os seus pertences. É ali que ficarão protegidos todos os seus dados e atualizações de conteúdo.

De forma geral, também é responsável por seu site aparecer na web e fazer com que esteja disponível para as pessoas que acessarem.

Da mesma forma como você escolhe um local seguro para morar, o seu servidor de hospedagem tem várias funções importantes que devem ser levadas para ter seu site funcionando perfeitamente.

Compatibilidade com CMS

Você sabe que é CMS e porque ele é importante? Da sigla em inglês, o Content Management System é a ferramenta por trás do site que permite a publicação e edição de conteúdos em uma página da web.

O WordPress é atualmente o gerenciador de conteúdo mais utilizado do mundo, com 34% de todos os sites da internet inseridos nele. Antes do CMS você precisava saber programar para atualizar e manter um site no ar. O que dificulta muito a vida, não é mesmo?

Devido a sua característica open source, ou seja, aberto para modificações, você pode instalar plugins no WordPress e transformar seu site no que desejar, um blog, e-commerce, site institucional e milhares de outras opções.

Por este motivo, escolher uma empresa de hospedagem de site que facilite a instalação desse sistema é essencial e um dos critérios que você deve levar em conta.

Preço

Sabemos que preço sempre é um fator importante na decisão de compra. Mas, quando falamos em qualidade de serviço, temos que considerar que a economia de contratar algo mais barato será somente aparente.

Você vai ter que gastar muito mais no futuro se não investir em seu site agora, afinal, já está fazendo uma migração porque as coisas não estão indo bem, certo? É melhor fazer uma boa escolha e evitar dores de cabeça.

Segurança

Você nunca sabe a intenção das pessoas que acessam o seu site e um fator perigoso atualmente é o ataque de hackers às pequenas empresas. Essas são, geralmente, aquelas que negligenciam a contratação de uma boa segurança digital.

Segundo um relatório publicado pela Verizon Enterprize Solutions em 2018, estima-se que metade dos ataques cibernéticos realizados em 2017 foram em pequenos negócios. Em torno de 60% das empresas que sofreram essas invasões fecharam após seis meses.

Proteção nunca é demais. Na hora de analisar um novo servidor para hospedagem, verifique se ele oferece backups regulares dos arquivos e se a empresa de preocupa em atualizar seus servidores constantemente, corrigindo possíveis falhas.

Também é essencial oferecer o certificado SSL, uma categoria de credenciamento para mostrar que seu site é seguro. Desta forma você pode receber pagamentos no site, proteger informações confidenciais e ter uma melhor classificação do Google. É isso que indica os domínios que tem no início um “HTTPS” e um cadeado.

Armazenamento

É o número que mede o quanto volume de dados suporta. É importante que você analise seus objetivos para que contrate a opção certa. Se você pretende publicar uma grande quantidade de dados planeje-se já e escolha uma opção com mais gigas, como 100 GB ou armazenamento ilimitado.

Atendimento e Suporte

Já pensou seu site cair do nada e a empresa que você escolheu para hospedar não te atender? Isso pode prejudicar muito seus negócios e objetivos.

Por isso, sempre analise comentários e a reputação do atendimento de um servidor. Descubra qual é a qualidade da equipe técnica e se estão sempre a disposição para atender.

Como trocar de hospedagem de forma segura?

Após escolher um novo servidor para a troca de hospedagem, e contratar o serviço, está na hora de fazer o procedimento de migração, confira:

  • backup dos arquivos: você vai precisar fazer o backup de dados do seu site e transferir para o novo servidor. Em empresas que oferecem o serviço de migração automática, como a GoDaddy, você resolve isso com apenas um clique. E ainda mais, se tiver alguma dúvida pode contar com nosso suporte premiado.
  • upload na nova plataforma: é só subir o arquivo baixado e deixar o host da GoDaddy fazer a mágica. O sistema instala e coloca no lugar todos os arquivos para você! Pronto, o seu site está preparado para rodar.

Após finalizar a migração certifique de redirecionar a sua DNS para o novo servidor. Além disso, preste atenção nos links do site para conferir se está tudo funcionando corretamente.

Se tiver qualquer problema, aqui na GoDaddy a gente cuida de você! Nosso suporte de técnicos é premiado na categoria de atendimento, e nosso serviço garante 99,9% de uptime. Ou seja, nosso servidor está ligado 24 horas para seu site nunca sair do ar!

Gostou do artigo? Então vai curtir ainda mais nossas dicas de tecnologia e empreendedorismo para você atingir seus objetivos!

Daniele Souza
Daniele Souza é jornalista por formação e curiosa por natureza. Atua como Analista de Conteúdo na Agência Mestre, onde trabalha com o que mais gosta de fazer— a escrita — para ajudar pessoas e negócios. Tem sede de aprender sobre tudo, principalmente marketing digital, design, línguas e história. Aprecia as pequenas coisas, como uma boa conversa com amigos e tempo com a família. Sempre foi fissurada por leitura e ama o gênero de não-ficção. Você pode se conectar com Daniele no LinkedIn.