Política de Privacidade: Como Montar A Sua E Cumprir A LGPD No Seu Site

como cumprir as regras da LGPD

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) chegou para mudar a forma como as informações são tratadas na internet. Por isso, é importante ter bastante atenção a partir de agora, a começar pela política de privacidade.

Você sabe como adequar a do seu site para as novas regras? Neste artigo você verá:

  • o que é política de privacidade;
  • por que a política de privacidade é importante para a LGPD;
  • como adequar a política de dados do site para a LGPD.

O que é política de privacidade?

Geralmente, existem alguns detalhes dos sites que são tão comuns que muitos não se dão conta da importância deles. Esse é o caso da política de privacidade. Será que todos os endereços eletrônicos precisam ter uma página dedicada a isso?

A resposta é sim. Depois da aprovação da Lei Geral de Proteção de Dados se tornou ainda mais necessário informar o usuário sobre o que é feito com as informações dele.

Dessa forma, a política de privacidade se refere a um texto com os termos e condições de processos e práticas dos sites. Essa espécie de documento pode informar, por exemplo: formas de uso, dados recolhidos, processamento e até direitos dos usuários.

Por ser tão importante, não negligencie essa página do seu site. Ela até pode não ser responsável por conversões e vendas. No entanto, serve para se adequar à lei e garantir que seu público confie mais na sua empresa.

Por que a política de dados é importante para a LGPD?

A LGPD está diretamente relacionada com o uso seguro de dados dos usuários. Aliás, ela foi criada com o intuito de preservar os direitos dos internautas. Antes da lei, não existiam regras claras com relação à navegação na internet.

Nesse sentido, a política de privacidade é importante, porque tem o papel de um contrato de adesão. Ou seja, o texto é caracterizado por expressar direitos e deveres, de maneira unilateral e sem negociação.

Na prática, essa página do site serve para esclarecer aos usuários sobre as informações que poderão ser coletadas, com qual finalidade e quais são os direitos deles.

A política de privacidade sempre foi necessária. No entanto, por causa da chegada da LGPD, ela se tornou obrigatória. Então, não deixe de incluí-la no seu endereço eletrônico!

por que a política de privacidade é importante

Como adequar a política de dados do site para a LGPD?

Existem várias informações que não podem faltar em uma política de dados. Para facilitar, veja o que você deverá fazer na hora de montar a sua:

  • reunir todas as informações que coleta: anote as informações que você pretende extrair dos seus clientes, como dados cadastrais e aquelas que provém dos cookies;
  • informar sobre os dados dos parceiros: confira nos termos de adesão de cada parceiro quais dados eles coletam. Observe, por exemplo, o sistema de gestão usado e até o agente de pagamento;
  • escrever a política de forma simples: a LGPD tem gerado dúvidas de todos, principalmente de quem não trabalha com dados. Dessa forma, é dever das empresas serem claras com relação à coleta das informações;
  • informar sobre os direitos dos usuários: além de mostrar o que está sendo feito, é necessário indicar ainda como as pessoas podem ter acesso aos dados coletados, e até como eles podem cancelar a transferência de informações, se quiserem;
  • pedir consentimento: o pedido deve estar na política de privacidade e em cada ação — por exemplo, solicitar autorização ao coletar cookies;
    disponibilizar canal: pela nova lei, é preciso ter um profissional para cuidar dessas questões. O contato dele deve estar no documento;
  • colocar a data: como as regras podem mudar, é importante colocar quando o texto foi escrito para que o usuário saiba se está atualizado ou não.

Como se percebe, a política de privacidade é um texto que requer bastante cuidado, e que não costuma ser igual em todos os sites. Afinal, você pode usar os dados para uma ação e o seu concorrente para outras.

Dessa forma, em caso de dúvidas, é interessante buscar o apoio de um especialista. Esse profissional poderá ajudar você na formulação do documento e a se adequar à nova legislação.

Apesar de ainda não estar bem definida quais são as implicações da LGPD, já se sabe que quem descumpri-la poderá pagar multa. Então, não deixe para depois!

Quer entender melhor como funciona a nova lei? Veja aqui um guia completo para fazer negócios online e de acordo com a LGPD!

Catherina Gazzoni
Catherina é formada em Jornalismo e atua com Marketing de Conteúdo. É apaixonada por Literatura, organizar roteiros (e viajar), visitar museus, aprender palavras novas em outros idiomas, estar em contato com a natureza e fazer amizade com cachorros. Recentemente, também tem descoberto a magia da tecnologia. Você pode se conectar com Catherina.