Você Conhece Todos Esses 4 Mitos do Marketing Digital?

Desmistifique suas ideias!

O investimento na divulgação das marcas por internet se torna cada vez mais comum, já que este é um meio em expansão que pode gerar muito lucro para as empresas que acertam em suas estratégias. Porém, para conseguir chegar aos resultados esperados, é importante conhecer os principais mitos do Marketing Digital para aplicar as práticas corretas.

Veja só algumas afirmações falsas que circulam pelas redes e entenda o porquê de elas não estarem corretas!

Conheça os mitos do marketing digital

Você já deve saber que não basta criar um site e esperar que os seus clientes cheguem intuitivamente até a página e comece a comprar, não é mesmo? Assim como este, existem outros mitos do Marketing Digital que precisam ser esclarecidos para melhorar as suas estratégias e estabelecer a sua presença on-line.

Confira algumas das principais que a GoDaddy selecionou!

1. Basta fazer o conteúdo e deixá-lo no blog

O Marketing de Conteúdo é uma ótima ferramenta para atrair clientes para o seu site e gerar tráfego. Por meio de informações, você consegue convencer as pessoas  de que você é uma fonte confiável no assunto e pode sanar todas as dúvidas que elas tenham. 

Então, basta fazer alguns textos, publicá-los e deixá-los ali? Não! Ele precisa ser atualizado regularmente, já que alguns conceitos podem mudar, de modo que o conteúdo acaba ficando inutilizado. Além disso, algumas técnicas para escrever um artigo otimizado também são mutáveis. 

O ideal é reler todas as publicações e identificar se é preciso fazer alguma reotimização para fazê-lo voltar a rankear.

2. As pessoas não compram por celular

Esse é um dos mitos do Marketing Digital que está sendo cada vez mais desmascarado. Foi-se o tempo em que as pessoas preferiam fazer qualquer tipo de transação por meio de um computador, já que, hoje em dia, é muito mais rápido e prático usar o celular.

Na última década, alguns fatores que dificultavam as vendas via dispositivos móveis — internet com tempo de carregamento lento, tarifas caras, poucas páginas otimizadas para celulares e falta de acesso a aparelhos que facilitam o processo de compra, por exemplo — foram solucionados, tornando os celulares a principal forma de acessar a rede mundialmente.

Por conta disso, não investir em nenhuma estratégia de Mobile Marketing é uma forma de perder grandes oportunidades com o público que prefere contar com o imediatismo da palma das mãos.

3. Quanto mais seguidores nas redes sociais, melhor

É óbvio que você quer ter números incríveis nas redes sociais, pois imagina-se que, quanto mais seguidores, maior a sua chegada ao público e, portanto, maior o número de vendas, não é mesmo? Porém, não é desta forma que funciona. 

Assim como o ditado popular, quantidade não é qualidade. De nada serve ter muitos seguidores e possuir um engajamento quase nulo. Afinal, sem interação há menores probabilidades de alguém comprar algum produto ou serviço. Ou seja: os seguidores acabam sendo apenas um número bonito que impressiona quem visita sua página, mas não dá retorno. 

Uma forma de aumentar a interação é investir em estratégias específicas para as diferentes redes sociais. Isso porque as pessoas não conversam ou se portam da mesma forma em todos os sites, não é mesmo? 

Por exemplo: no Instagram, as pessoas dão mais audiência aos elementos visuais — fotos publicadas ou stories — e, se você tiver que adicionar um link, tem que, respectivamente, colocar na bio do seu perfil ou pedir para que a pessoa deslize o dedo para cima.

No Facebook, por outro lado, você pode fazer descrições mais longas, adicionar links, responder comentários com imagens e gifs, entre outras coisas. No Twitter, as postagens são curtas, mas é possível fazer um ótimo trabalho de interação. 

Basta descobrir qual a rede favorita do seu público-alvo e encontrar a forma correta de se portar e falar com essas pessoas.

4. O e-mail marketing está morto

Com a quantidade de conteúdo que se encontra nas redes sociais e a facilidade das mensagens instantâneas dos aplicativos, há quem pense que o e-mail marketing não é mais uma estratégia efetiva. Entretanto, este é apenas mais um dos mitos do Marketing Digital que você não deve acreditar.

Essa prática não apenas gera resultados, como é uma das principais formas de captar leads on-line. Por meio do e-mail, é possível identificar o quão preparado para comprar está esse potencial cliente, se ele está abrindo as mensagens, entre outros dados importantes para a análise interna. 

A nutrição é feita por meio do envio de conteúdos relevantes para quem está na sua lista de endereços. Para fazê-lo comprar, estratégias como oferecer promoções exclusivas costumam  trazer altas taxas de conversão.

Gostou de conhecer quatro mitos do Marketing Digital? Então continue lendo o blog da GoDaddy Brasil para mais conteúdos como este!

Isabela Guiaro
Isabela Guiaro é jornalista e Analista de Conteúdo na Agência Mestre. Pós-graduada em Globalização e Cultura, é apaixonada por estudos relacionados à cultura latino-americana e pelo idioma espanhol, além de saber até demais sobre as indústrias musical e cinematográfica da América Latina. Conecte-se com Isabela pelo Twitter.